Ex-atleta é mais saudável?


Ter sido atleta garante mais saúde? 

Todo atleta de alto nível eventualmente verá sua carreira esportiva chegar ao fim. A maioria dos ex-atletas experimentará mudanças em sua autodefinição e comportamentos cotidianos ao aceitar um modo de vida não atlético.

Um recente estudo teve como objetivo identificar discrepâncias entre atletas reais e ex-atletas em relação à identidade atlética, atividade física (AF) e hábitos alimentares.

Os grupos analisados foram:

  • atletas reais (AR; n = 122),
  • ex-atletas (Ex-A; n = 230) e
  • não atletas (NA; n = 74)

Eles preencheram um questionário online sobre identidade atlética, duração e níveis de intensidade de AF ocupacional e de lazer e hábitos nutricionais.

A pontuação de nutrição saudável de Ex-A foi a mais baixa dos 3 grupos e significativamente diferente da pontuação de atletas reais!

A identidade atlética e a AF intensa e moderada durante o tempo de lazer são menores comparados aos atletas reais (p <0,01) (AA> FA> NA).

Nenhuma diferença significativa entre Ex-A e não atletas foi encontrada em relação aos hábitos nutricionais ou tipo de AF.

O estudo concluiu que a aposentadoria do esporte pode afetar a qualidade dos hábitos nutricionais de Ex-A que tendem a diminuir os níveis de AF abaixo do nível de NA, bem como a quantidade de tempo gasto na prática de atividades físicas no lazer.

O status atlético NÃO garante a prática de atividade física durante a “pós-carreira” esportiva.

E você? Foi atleta, conhece algum ex-atleta?

Yao PL, Laurencelle L, Trudeau F. Former athletes’ lifestyle and self-definition changes after retirement from sports. J Sport Health Sci. 2020;9(4):376-383. doi:10.1016/j.jshs.2018.08.006

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Postagens recentes

Publicação popular

Ainda atual o esclarecimento da @SBEMSP sobre vitamina D e covid #naosejaenganado https://www.endocrino.org.br/nota-de-esclarecimento-vitamina-d-e-covid-19

Anormalidades cardíacas em atletas após a infecção por SARS-CoV-2: uma revisão sistemática https://bmjopensem.bmj.com/content/7/4/e001164

Load More...
MESSAGE

CONTACT US